Como se tornar um Digital Influencer

Como se tornar um Digital Influencer

Com o avanço da internet e a febre das redes sociais, uma nova profissão surgiu no mercado, como reflexo da mudança de como as pessoas consomem informações e produtos. O Digital Influencer – ou simplesmente influenciador digital -, nada mais é que um produtor de conteúdo que utiliza os seus canais para influenciar (daí vem o nome) comportamentos tanto na internet, quanto fora dela.

Whindersson Nunes, Pc Siqueira, Hugo Gloss, Camila Coutinho e Thaynara OG são alguns nomes que provavelmente você já deve ter escutado falar, principalmente em meio as redes sociais. Todos são influenciadores digitais com milhares de seguidores, que usam plataformas como Facebook, YouTube e Instagram para formar opiniões.

Mas, afinal, o que esses jovens influenciadores fazem para atrair tanto o público?

Digital Influencer: o crescimento da profissão no mercado

Atualmente, essa profissão está em destaque e muito se fala sobre ela. Porém, a verdade é que a figura do influenciador digital sempre existiu na internet, em páginas como Fotolog, Flogão e Orkut.  

A diferença do digital influencer de alguns anos atrás para agora é a associação de marcas, que marcas começaram a usar as redes sociais como canais de divulgação para seus produtos e serviços, associação esta que trouxe a profissão de influenciador digital o status que tem hoje. 

Tanto os influenciadores quanto as marcas que os patrocinam ou aproveitam da popularidade para divulgar seus produtos/serviços, utilizam estratégias específicas para atingir diretamente o comportamento e a mentalidade do público. Porém, essa estratégia é feita de maneira mais natural possível, tudo para incentivar a identificação das pessoas com o perfil na rede social ou com o conteúdo que é divulgado.

Não é à toa que ser digital influencer tornou-se uma modalidade de publicidade muito bem aceita e cada vez mais procurada por empresas e pessoas influente que desejam se beneficiar dos resultados trazidos – e garantidos – por esses formadores de opinião.

Quais as principais plataformas usadas pelos influenciadores?

Existem diversas plataformas digitais que os influenciadores utilizam para alcançar o público. No entanto, há três que se destacam: YouTube, Instagram e Facebook. 

A estimativa de acessos diários a essas redes sociais, só aqui no Brasil, gira em torno de 100 milhões. Somos o país que mais usa as redes sociais em toda a América Latina, o que significa que as oportunidades são infinitas. E o melhor, oportunidades que geram lucros realmente interessantes.

Conheça um pouco sobre cada uma delas aqui embaixo:

– YouTube

Ter um canal no YouTube se tornou uma mina de ouro, tanto por conta das visualizações e os inscritos, como por anunciantes. São inúmeras pessoas que mantem como sua principal renda a produção de vídeos para a internet.  

Sendo um pouco mais flexível do que o Facebook e Instagram, você pode falar sobre o que quiser, até mesmo de fatos da sua vida, e publicar no canal. Mas, da mesma forma que as outras redes, é preciso manter sempre uma linha de assunto e alimentar – no mínimo – duas vezes por semana, para atrair mais visitantes e anunciantes também.  

– Instagram

O Instagram é a maior plataforma de compartilhamento de fotos do mundo e o segundo aplicativo mais usados pelos brasileiros. Essa plataforma permite que o usuário poste fotos e vídeos de curta duração, aplique efeitos, e também interaja com publicações de outras pessoas, através de comentários e curtidas.

As famosas hashtags, utilizadas como um mecanismo de busca das publicações, é a principal estratégia dos digitais influencers e marcas para o seu público. Além disso, o número de seguidores também contribui para a visibilidade do perfil.

– Facebook

Eis aqui a rede social mais usada no mundo! Graças ao seu imenso sucesso e grande adesão, pode ser considerado uma influencia diretamente na política, cultura e opinião pública dos usuários. O que desperta e muito o interesse de um digital influencer.

Nessa plataforma digital, é possível criar um perfil pessoal ou uma Fan Page, interagir com outras pessoas conectadas, por meio de trocas de mensagens instantâneas, compartilhamentos de conteúdos e as conhecidas “curtidas” nas postagens.

Como se tornar um digital influencer?

Para ser digital influencer, não há muito segredo. Basta escolher um assunto que tenha interesse e gravar um vídeo ou fazer uma postagem. Simples.  

Contudo, se você quer fazer o seu canal/perfil crescer, ter milhares de seguidores e visualização, e ser um influenciador de sucesso, é preciso dedicação e muito planejamento assim como qualquer outro tipo de negócio. Afinal, ter um canal no YouTube ou perfil no Instagram/Facebook é muito lucrativo, diga-se de passagem. 

Então, para quem deseja entrar nessa profissão, segue abaixo algumas dicas: 

1 – Escolha um tema  

A escolha do tema é fundamental antes de montar um canal no YouTube ou criar um perfil no Instagram/Facebook, pois é a base das suas postagens e o que define o seu público. O ideal é sempre optar por um tema que seja do seu conhecimento e que você goste muito, afinal, investir num assunto que não lhe agrade é cansativo e muitas vezes vai espantar possíveis seguidores. 

2 – Defina um público 

Tentar falar sobre todos os tipos de assuntos é um erro comum que muitos novos digitais influencers acabam cometendo, com o pensamento de que dessa forma conseguirão atingir um maior público e não é o que acontece. 

Definir um público é importante, pois assim você saberá como e para quem direcionar o seu foco. Por exemplo: dar dicas sobre maquiagem ou falar sobre filmes. Embora seja algo mais específico, melhora suas chances de conquistar um público fiel. 

3 – Produza conteúdo de qualidade 

Produzir um conteúdo de qualidade significa planejar o que será gravado ou postado e não simplesmente sair falando ou escrevendo o que vier a cabeça. 

Tenha um planejamento sobre o que pretende abordar. Estruture os vídeos e até mesmo as postagens, busque uma linguagem bacana para se comunicar com o seu público-alvo e traga sempre novidades relevantes.  

4 – Seja original 

Existem diversos canais no YouTube, assim como diversos perfil no Instagram/Facebook, muitos com os mesmos assuntos – até mesmo plagiados -, o que resulta em muitas críticas e nem um reconhecimento. Por essa razão, os canais e perfis mais criativos e originais são sempre os que ganham maior destaque.  

Tenha referências, mas jamais copie conteúdo. Mantenha sempre sua originalidade e exponha suas ideias. 

5 – Mantenha uma frequência de postagem 

No início, o ideal é que faça postagens duas vezes por semana, pelo menos. A maioria das pessoas que acompanham canais no YouTube ou perfis no Instagram/Facebook e gostam do conteúdo, querem acompanhá-lo com frequência. Demorar muito na postagem ou abandonar contribui para a perda de seguidores. 

6 – Interaja com o seu público 

Interagir com o público é um ponto importante se você quer ser um digital influencer de sucesso. Afinal, são os inscritos que fazem o canal/perfil crescer. Então, sempre que puder, responda aos comentários, peça sugestões, entre outras coisas.